fbpx
ArtigosEm Destaque

Segurança nos dispositivos IoT é debatida no ABINC Summit

O painelista Rogério Moreira levou para o primeiro congresso ABINC Summit – Conexão IoT mais informações sobre a segurança dos dados na era da Internet das Coisas (IoT). Moreira é diretor da SMART Modular Technologies, empresa líder global em soluções de memórias especiais que atende à indústria eletrônica há mais de 25 anos.

Em sua apresentação Moreira alertou para a segurança de um sistema de informação automatizado, partindo de objetivos aplicáveis para preservação da confiabilidade, integridade e disponibilidade de recursos do sistema de informação.

Rogério Moreira durante a sua apresentação no Painel de Segurança realizado no ABINC Summit 2019

A preocupação com a segurança deve ser levada a sério já que os riscos de um ataque comprometem passivos da empresa como conteúdo de mensagens e ativos como dados de produtos em desenvolvimento, que podem ser alterados.

Em entrevista realizada após o painel, Rogério Moreira falou um pouco mais sobre a importância da proteção dos dados.

Qual a importância de abordar o tema segurança no primeiro congresso da ABINC? E qual a importância do comitê?

É importante, porque é um assunto que não tem sido tratado com a devida importância, muito em função do desconhecimento das pessoas em função das tecnologias necessárias. Dentro da ABINC, a ideia é que a gente pode facilitar isso, educando sobre o que é necessário, informando dos avanços.

Como eu comentei, trazer esse framework, que é bem orientativo e vai ajudar as pessoas a implementar segurança em seus dispositivos IoT. Esse é o principal objetivo.

Nós temos um bom relacionamento com o pessoal da IoT Security, inclusive estamos discutindo para a ABINC ser um representante deles aqui, e promover cada vez mais esse aspecto de segurança.

Nós temos publicado na ABINC alguns artigos da Internet Society, que também tem focado bastante em segurança. É preciso haver equilíbrio, já que existem produtos com foco B2B e B2C. Eles seguem a mesma cartilha ou existem diferenças nos níveis de segurança?

A ideia é o que está lá no framework. Você tem vários níveis de segurança necessários, tem que avaliar qual é o nível de segurança que você precisa para cada dispositivo. Pode ser que um B2C seja nível zero.  Os dados envolvidos, as informações envolvidas não precisam ter tanta confiabilidade. No B2B eu preciso ter alta confiabilidade, é preciso ter um equipamento mais seguro.

É desta forma que eu vou modular os requisitos de acordo com o nível de segurança, depende da aplicação e depende do mercado em que você vai atuar com ele.

A segurança não tem que se basear apenas no fabricante. Quem utiliza funções IoT como algumas empresas que vimos aqui no ABINC Summit também precisam se preocupar?

Todos têm. Como eu falei você tem que avaliar os riscos. Você que esta fornecendo a solução, quais são os riscos envolvidos? Se sofrer um ataque, o que pode te prejudicar? A sua empresa pode ir à falência! Você tem que avaliar isso. Fazer uma boa classificação das áreas que necessitam de segurança, e aplicar os mecanismos necessários em cada uma delas. Mas o risco tem que ser avaliado por todos.

Como funciona o comitê de segurança dentro da ABINC?

Nós temos feito reuniões semanais via Skype. Geralmente escrevemos artigos. O associados que quiser participar, precisa enviar um e-mail para o Paulo Spacca, vice-presidente da ABINC, que é o sponsor do comitê, ou para o Wilson, que é o líder do comitê. Ele vai dar todas as instruções do que é preciso fazer, é bem simples, não tem muita burocracia. Para mais informações, também podem acessar: https://ABINC.org.br/comite-de-trabalho/

Um recado a comunidade de IoT?

Acho que é importante o pessoal se preocupar mais com o tema. Podemos ver aqui nas apresentações que as pessoas se preocupam muito com a aplicação, com o processo e nunca fala de segurança.  – “Como é a segurança?” – Não tem. Não fala. O que ele está usando, o que está fazendo… Então o pessoal precisa acordar para isso.

Sobre Rogério Moreira

Rogério Moreira é executivo de vendas, voltado para resultados, com mais de 25 anos de experiência em vendas na América Latina dentro da indústria de semicondutores. Possui experiência variada em vendas de contas e gerenciamento de contas globais a clientes de gerenciamento de vendas sênior nos segmentos de consumo, industrial e automotivo. Também realiza palestras focada na área de eletrônica digital.

Associado da ABINC tem como benefícios:

+ Preços promocionais nos eventos da associação;

+ Ter acesso às demandas e necessidades de IOT do mercado (empresas e governo);

+ Networking com todo o ecossistema de IOT ABINC;

+ Ter seus casos de sucesso em IOT divulgados para todo o mercado.

Quanto maior for a nossa comunidade, mais forte e representativo será o nosso setor. Participe!

Clique aqui e saiba mais.

Tags
Mais